Hoje é segunda-feira, 24 de junho de 2024
Pesquisar
Close this search box.

Sistema OCB divulga cartilhas para eleições municipais

O Sistema OCB divulgou, nesta segunda-feira (27) duas cartilhas voltadas às boas práticas no processo eleitoral. O objetivo de capacitar e orientar os cooperativistas, além de oferecer informações relevantes sobre o movimento para os candidatos às eleições municipais de outubro. Cooperativismo e as Eleições 2024 e Propostas para Cidades Mais Cooperativas, detalham o processo eleitoral e explicam como se envolver na escolha de políticos que compreendam e valorizem o papel do cooperativismo na construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

As publicações abordam boas práticas de como cooperativas podem participar de forma legítima durante o processo eleitoral e também apresentam propostas de políticas públicas que promovam e estimulem o cooperativismo em nível municipal, destacando a importância desse modelo de negócios na geração de trabalho, renda e inclusão financeira, além do desenvolvimento regional e a criação de arranjos produtivos locais.

Para Márcio Lopes de Freitas, presidente do Sistema OCB, o cooperativismo promove desenvolvimento alinhado com responsabilidade socioambiental e oferece uma solução viável e sustentável para impulsionar e gerar prosperidade econômica local. “O objetivo é que os futuros postulantes a cargos públicos possam entender a importância das cooperativas como verdadeiros agentes de transformação social e econômica. Por isso, acreditamos que o nosso movimento tem um papel significativo para o desenvolvimento de ações e políticas públicas que nos ajudem a impulsionar e fortalecer ainda mais o movimento”, afirmou.

O papel fundamental das cooperativas na sensibilização de seus cooperados sobre a importância da participação política, com foco no desenvolvimento econômico, social e ambiental das comunidades também é enfatizado. “As cooperativas devem compreender a diferença entre neutralidade política e inércia, mantendo-se independentes de filiações partidárias. Além disso, é crucial que todas operem de acordo com a legislação, baseando-se na transparência em governança e gestão, e sensibilizando seus membros sobre pautas alinhadas ao cooperativismo”, acrescentou o presidente Márcio.

Fonte: Somos Cooperativismo/Sistema OCB